Política

Noblat fica indignado com manobra do PT: “Sucessão em Minas – Alencar merece mais respeito”

Sucessão em Minas – Alencar merece mais respeito

Fonte: Blog do Noblat

Manobra política alguma nos dias que correm é mais desumana do que essa de lançar o vice-presidente da República José Alencar como candidato ao governo de Minas Gerais.

Ela tem a ver com a necessidade da campanha de Dilma Rousseff à sucessão de Lula de juntar PT e PMDB. Alencar pintou como o único nome capaz de realizar tal proeza.

O PT tem candidato à vaga do governador que disputa a liderança das pesquisas de intenção de voto – o ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel.

E tem um aspirante à mesma vaga que eleitoralmente não pode ser subestimado – o atual ministro do Desenvolvimento Social Patrus Ananias.

A maioria do PT mineiro apóia a candidatura de Pimentel.

O candidato do PMDB a governador é forte – o ministro Hélio Costa, das Comunicações. Flerta com Aécio Neves (PSDB) e espera que Lula e Dilma tirem Pimentel e Patrus do seu caminho.

Como a tarefa se revela difícil, os pragmáticos do governo, à frente o próprio Lula, sacaram a jogada de estimular Alencar a concorrer ao governo.

A idéia original dele era a de se candidatar a uma das duas vagas ao Senado. Ganharia a eleição sem sair de dentro de casa, conforme admitem políticos de todos os partidos.

Alencar angariou o respeito dos brasileiros por exercer de forma impecável a função de vice-presidente. E virou unanimidade pela forma corajosa, desabrida e transparente com que enfrenta o câncer.

Parecia destinado à morte em breve, tal a agressividade da doença e o insucesso do seu tratamento.

De alguns poucos meses para cá, a doença foi contida e regrediu. Nem de longe isso significa ainda previsão de cura.

Alencar é um homem idoso. Mesmo que um dia os médicos o declarem curado, atravessará o resto dos seus anos sob rigorosos cuidados.

É de uma crueldade atroz empurrá-lo para a disputa de um cargo que exige muito do seu ocupante.

A família de Alencar é contra o que ele aparece aceitar com seu natural entusiasmo pela vida e por desafios.

Médicos que acompanham em Sáo Paulo o estado da saúde de Alencar observam que ele não deveria ser candidato ao governo.

Se ele contrariar o desejo da família e a opinião dos médicos, assistirá em seguida à vergonhosa batalha a ser travada nos bastidores dos partidos pelo lugar de vice em sua chapa.

O PT avisou que o lugar é seu. Patrus saiu na frente e conversou com Alencar a respeito. Pimentel pode acabar como um dos coordenadores da campanha de Dilma.

O PMDB também quer o lugar de vice.

É isso o que Alencar merece?

Com a palavra, Lula e Dilma.

Link do post: http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2010/02/08/sucessao-em-minas-alencar-merece-mais-respeito-264505.asp

Comente e publique no Facebook

Comentário(s)

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous post

Aécio Neves se encontra com José Alencar no Palácio Mangabeiras

Next post

Mais transparência: Governo Aécio faz convênio com Tribunal de Contas para melhorar controle das contas públicas