Política

Governo Aécio Neves: Vales do Jequitinhonha, Mucuri e Doce vão receber R$ 11 bilhões em investimentos para fortalecer a atividade econômica na região

A atração de investimentos de aproximadamente R$ 11 bilhões, assim como a liberação de recursos de R$ 300 mil para a recém-criada Agência de Desenvolvimento do Norte de Minas (Adenor), são alguns dos principais resultados do projeto estruturador do Governo Aécio Neves “Promoção de Investimentos e Inserção Regional” voltado, especialmente, para a Região Norte e para os Vales do Jequitinhonha, Mucuri e Doce.

Trata-se de uma área historicamente marcada pelo fraco dinamismo econômico e pelo baixo grau de integração a mercados, cujas consequências são visíveis na baixa qualidade dos seus indicadores socioeconômicos e que juntas, contribuem com apenas 13,2% do PIB mineiro. Diante dessa situação, há pouca atratividade de investimentos, colaborando assim para a perpetuação da situação crônica de pobreza.

Criado, justamente, com o objetivo de inserção regional (inclusive agronegócio) e atração de investimentos produtivos privados para essas regiões, mediante a estruturação e desenvolvimento da cadeia de fornecedores e de infraestrutura, bem como a promoção da gestão ambiental sustentável, o programa vem consolidando suas propostas através de várias ações.

No Vale do Mucuri, o Instituto de Desenvolvimento Integrado (Indi), coordenador do projeto estruturador, está dando suporte ao projeto da Zona de Processamento de Exportação (ZPE) de Teófilo Otoni, com a realização do estudo “Análise de indicadores, percepção dos exportadores sobre os impactos da instalação da ZPE de Teófilo Otoni e avaliação das potencialidades de desenvolvimento do Vale do Mucuri”.

Adenor

Também a cargo do Indi, está o suporte à Agência de Desenvolvimento da Região Norte de Minas Gerais, que deverá se transformar em uma subsidiária do Indi para a região. A agência foi criada, em agosto de 2009, para promover a integração intra e interregional dos 89 municípios da região, identificar oportunidades de investimentos, acelerar o crescimento econômico sustentável, valorizar a biodiversidade, trabalhar cluster e cadeias produtivas e oferecer infraestrutura competitiva.

A prioridade inicial do trabalho conjunto será a revisão e consolidação do Plano Estratégico da Adenor para a implantação e sistematização dos estudos existentes sobre a região, que também terá um diagnóstico das suas potencialidades.

Por meio da Subsecretaria de Indústria, Comércio e Serviços (Sics) da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) será implantado em Montes Claros, ainda em 2010, o Projeto Extensão Industrial Exportadora (Peiex), programa que prepara a empresa para entrar no mercado internacional. A previsão é, inicialmente, atender 128 empresas de pequeno e médio portes.

Perspectivas

Ainda dentro do projeto estruturador “Promoção de Investimentos e Inserção Regional”, o Arranjo Produtivo Local (APL) de Frutas, localizado no Projeto Jaíba, será um dos sete APLs mineiros a receber recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

O Projeto Jaíba é maior trabalho de agricultura irrigada da América do Sul e o maior polo nacional de produção de sementes de hortaliças. Com investimentos públicos de US$ 520 milhões, as duas primeiras etapas do trabalho abrangem uma área irrigada de 44 mil hectares e um território cultivado de 17 mil hectares, ocupados com produção de banana, manga, limão, sementes de hortaliças, cana de açúcar, pinhão manso, milho e tomate.

Só no Norte de Minas três importantes projetos estão em desenvolvimento: o empreendimento da Pomar Brasil, com aportes superiores a R$ 25 milhões, para implantar uma unidade de processamento de frutas para suco na área do projeto Jaíba; a iniciativa do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) que trabalha na criação de linhas especiais de financiamento com recursos de fundos de desenvolvimento, com redutor da taxa de juros; a realização de caravanas do desenvolvimento, para orientar e divulgar as novas oportunidades.

Comente e publique no Facebook

Comentário(s)

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous post

Aécio Neves inaugura aeroporto em Capelinha e dá mais um passo para o desenvolvimento do Vale do Jequitinhonha

Next post

Aécio Neves inaugura Unidade Materno Infantil em Caratinga que vai reduzir mortalidade infantil no Vale do Rio Doce