Aécio NevesAécio Neves: choque de gestãoPolítica Pública

Infraestrutura: Aécio Neves lança última etapa do programa que mudou a realidades das estradas mineiras – 1,5 de pessoas beneficiadas, 3.383 km já pavimentados

O governador Aécio Neves assinou sexta-feira (4), no Palácio da Liberdade, Ordem de Serviço para a última etapa do Programa de Pavimentação de Ligações e Acessos Rodoviários aos Municípios (Proacesso). Serão contemplados os sete últimos trechos sob responsabilidade do Estado e que ainda não contam com acesso por asfalto. Nessa fase serão investidos R$ 196 milhões e pavimentados 337,5 km, beneficiando diretamente mais de 30 mil pessoas e 7 municípios.

Com essa etapa, o Governo do Estado conclui 100% do Proacesso nas rodovias estaduais, pavimentando 5.450 km e beneficiando diretamente 1,5 milhão de pessoas. Até agora, sem contar com esse último lote, já foram pavimentados 3.383 km de rodovias, de um total de 5,5 mil km previstos no início do programa, sendo que 132 acessos estão concluídos e 80 estão em andamento.

“Estamos iniciando a etapa final do maior programa viário em execução no Brasil. Para se ter ideia, tínhamos no inicio do nosso governo 13 mil quilômetros de rodovias asfaltadas no Estado de Minas Gerais. Apenas este governo está construindo 5.500 km de rodovias ligando todas as cidades sob responsabilidade do Estado que não tinham ligação asfáltica. E o asfalto é o caminho para o desenvolvimento, da saúde, da educação, da segurança, da economia local”, disse o governador, em entrevista.

O Proacesso é um dos projetos estruturadores do Governo Aécio Neves e foi criado em 2004, com o objetivo de levar a ligação por asfalto a 225 municípios mineiros que ainda não contavam com estrada pavimentada. Desse total, 219 trechos são de responsabilidade do Governo Estadual e 6 estão sob a responsabilidade do Governo Federal (DNIT). Os municípios não atendidos são: Chapada do Norte, Dom Bosco, Jacinto, Salto Divisa, Montalvânia e São João das Missões.

“Fica o lamento de que os seis trechos sob responsabilidade do Governo Federal, não obstante de todos os apelos que fizemos ao Ministro nas conversas que tivemos, ainda não tiveram um desfecho. Falo isso não como uma cobrança apenas, mas como um estímulo para que esse governo ainda, o Governo Federal, possa pelo menos iniciar esses seis últimos trechos. Mas no que diz respeito à responsabilidade do Estado, estaremos, a partir do mês de dezembro, com todos os trechos, ou concluídos, ou já em obras”, afirmou o governador.

Investimentos

O secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, Fuad Noman, ressaltou que, com essa última etapa do Proacesso, o Governo de Minas totaliza investimentos de R$ 4,7 bilhões nas estradas estaduais desde janeiro de 2003. Foram recuperados 10 mil quilômetros de rodovias e já foram construídos 4 mil novos quilômetros. Somente em 2009, segundo o secretário, foram 1.100 novos quilômetros.

O prefeito de Miravânia, Elpídio Gomes Dourado, uma das cidades beneficiadas com essa última etapa do Proacesso, destacou que o asfalto será responsável por uma fase de desenvolvimento no município.

“O nosso tão sonhado asfalto é considerado a nova segunda emancipação. Isso vai se somar a outras ações do Governo de Minas na nossa cidade nos últimos anos, como a água potável que agora chega a diversas comunidades e as várias vidas salvas nas Unidades Básicas de Saúde que foram construídas”, afirmou, ao discursar em nome de todos os prefeitos.

Benefícios

Cerca de 60% dos municípios contemplados pelo Proacesso estão no Norte de Minas, nos vales do Jequitinhonha, Mucuri e Rio Doce e na região Noroeste. São áreas que possuem Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) abaixo da média estadual, e onde programas como o Proacesso são fundamentais para a melhoria das condições socioeconômicas.

Dos municípios com problemas de acesso, 88% têm menos de 10 mil habitantes e 97% têm IDH menor que a média de Minas Gerais. As regiões Central, Zona da Mata e Sul de Minas, embora mais desenvolvidas, também estão contempladas pelo Proacesso em acessos ainda não pavimentados.

Obras da última etapa do Proacesso

Chapada Gaúcha (Arinos-Chapada Gaúcha – LMG-608) – 94,5 km

Fronteira Vales (Águas Formosas-Fronteira Vales – MG105) 26,7km

Marmelópolis (Delfim Moreira-Marmelópolis – estrada municipal) 19,0 km

Miravânia (Miravânia-Cônego Marinho – estrada municipal) 66,4 km

Morro Pilar (Morro Pilar-Entroncamento MG-010 – MG-232) 21,5 km

Santa Fé Minas (Brasilândia Minas-Santa Fé Minas – estrada municipal) 92,4 km

Santana Deserto (Santana Deserto-Entroncamento BR-040 – estrada municipal) 17,0 km

Comente e publique no Facebook

Comentário(s)

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous post

Aécio Neves sanciona lei antifumo que proíbe o consumo de produtos derivados do tabaco em recintos coletivos fechados, públicos ou privados em Minas Gerais

Next post

Líderes e Reformadores: Aécio Neves é um dos 100 brasileiros mais influentes de 2009, segundo a Revista Época