Aécio CunhaAécio NevesAécio Neves: choque de gestãoAntonio AnastasiaPolítica Pública

Aécio Neves e Anastasia assinam em Uberlândia convênios e liberam R$ 15 milhões para investimentos nas áreas de saúde e infraestrutura

O governador Aécio Neves e o vice-governador Antonio Anastasia visitaram nesta terça-feira (9), em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, as obras do Hospital e Maternidade Municipal Dr. Odelmo Leão Carneiro, que está em fase final de construção. A visita ao hospital foi o último compromisso oficial em Uberlândia, onde foram assinados convênios para investimentos nas áreas de saúde e infraestrutura, entre eles a liberação, pelo Governo do Estado, de R$ 15 milhões para a compra de equipamentos para o hospital municipal.

“Estou encantado com essa visita que faço ao hospital municipal e que até o final de agosto estará funcionando, entregue à população. É um hospital modelo para o país. É, sem dúvida alguma, a maior obra da saúde em curso em Minas Gerais. É um hospital inteligente e, a partir de agora, as dificuldades vão ser dos outros que terão que seguir esse padrão do Hospital e Maternidade Municipal de Uberlândia”, disse o governador, em entrevista.

A construção do hospital começou em 2007 e a conclusão das obras está prevista para o segundo semestre deste ano. Já foram investidos R$ 46 milhões nas obras, sendo R$ 38 milhões do Governo do Estado e R$ 19 milhões da Prefeitura de Uberlândia.

Antes de chegar ao Hospital Maternidade Dr. Odelmo Leão, Aécio Neves e Antonio Anastasia visitaram o prefeito da cidade de Ituiutaba, Públio Chaves, que está internado em Uberlândia, no Hospital Municipal Santa Genoveva. O prefeito sofreu infarto nessa segunda-feira (8), durante uma solenidade em Ituiutaba.

Estrutura

O hospital municipal de Uberlândia prestará serviços de média e alta complexidade. Irá desafogar as Unidades de Atendimento Integrado (UAIs) e o Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia. Construído numa área de 20 mil metros quadrados, o hospital prestará atendimento de clínica médica e cirúrgica, maternidade e pediatria.

“Essa é a mais importante obra na área da saúde em execução em Minas Gerais, tudo planejado. A prefeitura também faz um esforço enorme. Boa parte dos recursos também é dela. A parte do Estado tem sido transferida dentro do cronograma, como acontece na verdade em todas as nossas ações, em todas as nossas obras e com esses R$ 15 milhões, poderemos equipá-lo com o que há de mais moderno em todas as áreas”, afirmou Aécio Neves.

A unidade hospitalar terá 258 leitos, 15 leitos de UTI neonatal, 10 leitos de UTI pediátrica e 30 leitos de UTI adulto. Durante a visita, o secretário Municipal de Saúde, Gladston Rodrigues da Cunha, explicou que o hospital foi planejado para uma futura expansão, chegando a 500 leitos.

O projeto arquitetônico do hospital é do arquiteto e médico Domingos Fiorentini, autor de mais de 500 projetos para a construção de hospitais no país. Segundo ele, o complexo que está sendo construído em Uberlândia é um dos mais avançados em arquitetura hospitalar, com racionalização de custos e atenção à humanização dos serviços prestados e o desenvolvimento sustentável.

Investimentos

O Governo de Minas investiu nos últimos sete anos cerca de R$ 58 milhões na área de saúde, em Uberlândia. Entre os investimentos estão R$ 13 milhões para o Pro-Hosp; R$ 600 mil para o Pro-Hosp Urgência e Emergência; R$ 35,2 milhões liberados por meio de convênios diversos.

O Programa Saúde em Casa recebeu R$ 2,1 milhões para custeio de 40 equipes do Saúde da Família e 260 agentes comunitários. As equipes do Saúde em Casa são responsáveis pela cobertura de 22,1% da população da cidade.

Aécio Neves e Antonio Anastasia visitaram as obras do hospital acompanhados pelo prefeito de Uberlândia, Odelmo Leão; do ex-governador Rondon Pacheco; do deputado federal e presidente do PSDB de Minas, Narcio Rodrigues; o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), Robson Andrade.

Comente e publique no Facebook

Comentário(s)

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous post

Sussekind analisa obra da Cidade Administrativa do Governo Aécio Neves e defende projeto de Niemeyer: "Vejo a atual Belo Horizonte interromper e reverter o processo que, fatalmente, inviabilizaria sua qualidade de vida"

Next post

Gente como a gente: Aécio Neves reforma carro que era de Tancredo e faz visita surpresa a São Tiago próximo a São João del Rei